domingo, 18 de junho de 2017

Aeronáufrago

Entre sorrisos e afetos
Disfarço a solidão intergaláctica
Quando olho para as estrelas
E o palpitar do meu coração
Se esvai na imensidão calada
Do vasto silêncio estelar

Meu espírito cosmonauta
Quer fugir de órbita
Longe da nave-mãe
Trafego perdido
Entre as constelações da melancolia

17.06.2017

Por: Antonio Lima Júnior

domingo, 11 de junho de 2017